A cartinha

Hoje eu recebi uma carta. Sim, uma cartinha escrita à mão, em uma folha de caderno (caderno esse que eu me lembro exatamente do momento em que foi escolhido e comprado.)
Fazia tempo que não recebia nada em papel. Depois do advento da internet e da proliferação dos e-mails… o papel ficou relegado a décimo nono plano. E é claro que é maravilhoso receber notícias em tempo real, ver uma mensagem chegar segundos após ter sido escrita… Só que a sensação de ter nas mãos algo que foi escrito pra você, com uma canetinha colorida escolhida especialmente… e que você realmente não esperava… não tem mastercard que pague!!!
Transcrevo aqui:

Mãe
Não sei se já senti tanta saudade de casa antes. Provavelmente sim, mas todo mundo acha que a saudade maior é a que se está sentindo.

As coisas não estão ruins, tudo vai bem na medida do possível, mas vem aquela vontade desesperada de voltar, de colo, de férias e tudo que eu vejo são 2 meses stressantes e corridos, que depois que passarem vão parecer que foram uma semana.

Mas de vez em quando eu paro, e surpreendentemente estou feliz. Obrigada por tudo. Pelo esforço, pela saudade que você aguenta, por confiar em mim (não é toda mãe que dá 3 cartões de crédito na mão da filha), por deixar que eu viva sozinha, e que eu descubra como é, com minhas próprias pernas.
Te amo. Ou “Ich liebe dich” (tenho que ir treinando, né?)

Beijo,

Line.

Fiquei toda boba… mostrei a quem estava perto… e nem me importo que pensem que sou uma mãe coruja e babona. E vou responder a ela, por aqui.

Fiote:

Foi especial mesmo ler sua cartinha. Você sabe que eu não suporto receber encomenda sem um bilhetinho dentro… e adorei que a minha veio cheia de post its, e ainda mais com essa doçura toda que você escreveu.

Eu é que agradeço você ser a filha que é. Incrivelmente de cabeça assentada, apesar do DDA, e de ser tão tontinha e desastrada em alguns aspectos. Mas como não confiar em você? As poucas vezes que me senti “traída” (não encontrei outra palavra) por você, foram em coisas tão banais, que não me dou ao luxo nem de lembrar. Mas lembro, bem dicumforça dos momentos em que você me provou seu amor, ficando do meu lado quando as coisas pareciam não ter solução.

Quando você voltou de Recife pra passar o reveillon comigo (e que nem foi lá essas coisas… kkkk) só pra eu não ficar sozinha… mesmo sendo o momento em que os primos estariam todos reunidos na chácara, o momento mais esperado do ano… valeu demais.

Todas as vezes que recebi massagem no rosto e na cabeça, em meio às enxaquecas… e o seu cuidado em pegar remédio, apagar a luz e segurar os barulhos pra que não me incomodassem…

As vezes em que ríamos juntas de nós mesmas, até sairem lágrimas dos seus olhos… a profecia da cigana… os olhares enquanto Emily Gilmore aprontava alguma das dela… as lutas na cama… Iaaaaaaaaaaaaaaaaa “cavalinho com a mão pra cima” “mata leão” “pede pinico”… são coisas que não fazem o menor sentido pra qualquer pessoa que não seja uma de nós, as próprias Gilmore Girls.

Sinto tanto sua falta… que nem sei mais como dizer isso de maneiras diferentes. I’ve been missing You, more than words can say… e tantas canções me fazem lembrar você, minha Lisbela cheia de lacinhos de fita de todas as cores e flores no cabelo, estilosa e modernosa até mesmo de óculos vermelhos…

As lágrimas descem dos meus olhos agora, quando eu desejaria estar escrevendo numa folha de caderno, pra te mandar pelo correio… e talvez ainda faça isso, mas certamente não serão essas mesmas palavras, que eu acho poooodre de ridículo copiar o que se escreveu com emoção.

Queria poder estar com você nesses meus poucos dias de férias, mas a $ituação não permite… só se acontecer um milagre e alguma cia aérea resolver colaborar. Não vamos perder as esperanças, não é?

E se não… dois meses passam, não tão rápido quanto gostaríamos,mas passam. E você vem pra sua casa, seu quarto, seu colo, seu lugar.

Eu te amo. Muito. Sempre. E mais do que você pode pensar.
Iaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!! Ganhei!!!!!!!!!!!!!111
Lor
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s