Em casa – e caindo na real

É  verdade, o tal do jet lag existe. Nosso dia anteontem teve 30 horas, e com a excitação da chegada [em Salvador], não sentimos nada na hora, mas ontem… de sair da casa de Dinah,  chegar no aeroporto até chegar em casa, EM CASA… eu estava um bagacinho.  Ainda precisamos ir ao mercado, já que a despensa estava completamente vazia… Não consegui nem ligar o computador pra postar [pelo menos entrei no twitter,  e dei notícia que chegamos bem].

Hoje morguei na cama a manhã inteira, tentando arrumar as fotografias, e fazer o backup antes que algo de pior aconteça, já que meu notebook está novamente dando piti e travando toda hora.

Então, este post é só pra registrar que estamos em casa e estou me organizando pra pagar TODAS as minhas promessas de post no blog da viagem.

Minha dissertação continua me esperando, o monte de livros e artigos pra ler (e artigos pra escrever também) não diminuiu, e agora estou precisando de mais 30 dias de férias pra descansar das férias. #Comofaz????

Quero deixar bem claro que passar 24h por dia com Marido foi delicioso. Se a gente precisasse de uma prova pra saber se era pra estar junto mesmo, seríamos aprovados “cum laude”.

Outra coisa pra deixar claro: Eu voltei, voltei para ficar… mesmo com a dissertação pra terminar… [tosco, eu sei.]

Anúncios

Uma resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s